Baciro Dja promete controlo rigoroso das despesas da Guinée-Bissau

O primeiro ministro da Guinée-Bissau Baciro Dja, no mês de abril 2012 SIA KAMBOU / AFP

Felix Fischer, responsável do FMI para o dossier da Guiné-Bissau, suspendeu os apoios financeiros dos parceiros internacionais da Guiné-Bissau. O primeiro ministro Baciro Dja reagiu hoje a esta decisão.

O primeiro ministro guineense Baciro Dja reagiu ao anúncio de congelamento de apoios financeiros por parte dos parceiros internacionais da Guiné-Bissau, anuncio feito ontem pelo responsável do FMI para o dossier da Guiné-Bissau, Felix Fisher.

Baciro Dja disse compreender que tempos difíceis estão a chegar para o seu Governo, mas apontou como caminho para fazer face às dificuldades o apertar dos cintos por parte da população.

Do lado do Governo prometeu um controlo rigoroso das despesas e ainda medidas tendentes a recuperar a credibilidade interna e externa do país. (RFI)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA