Angola na Reunião do Comité Especializado de Defesa e Segurança

João Lourenço - Ministro da Defesa Nacional (Foto: Francisco Miúdo)

O ministro da Defesa Nacional, João Lourenço, deixou hoje (sexta-feira) o país, com destino a Addis Abeba (Etiópia), para participar na IX reunião do Comité Técnico Especializado de Defesa, Protecção e Segurança Africana, a decorrer sábado, com vista a debater aspectos ligados a referida problemática no continente.

No decorrer do evento, serão analisados diversos documentos constantes do relatório da comissão de peritos, entre os quais ”A carta de Segurança e Protecção Marítima e Desenvolvimento”, assim como as conclusões da Reunião dos Chefes do Estado Maior e dos Responsáveis da Protecção e Segurança.

Foram ainda revistos o relatório da presidente da Comissão da União Africana (UA) sobre a Força Africana em Estado de Alerta, o projecto de plano de trabalho quinquenal de Maputo sobre o reforço da Força Africana e o informe actual ligado ao projecto de Política de Policiamento das Operações de Apoio a Paz da organização continental, assuntos a serem igualmente abordados no encontro de ministros sábado.

Os peritos foram ainda informados que, à luz das restrições financeiras que a União Africana enfrenta, os Estados membros deverão fornecer, as suas próprias expensas, pessoal para as várias divisões do Departamento de Paz e Segurança, nomeadamente Sistema Continental de Aviso Prévio, Gestão de Conflitos e Reconstrução e Desenvolvimento Pós-Conflito e Divisão de Operações de Apoio a Paz.

Entretanto, o chefe de Estado Maior General das Forças Armadas Angolanas (FAA), Geraldo Sachipengo Nunda, e o comandante-geral da Polícia Nacional (PN), Ambrósio de Lemos, encontram-se, deste quarta-feira, em Addis Abeba, onde participaram na sessão preparatória da IX reunião do Comité Técnico Especializado de Defesa, Protecção e Segurança Africana, que hoje decorre.

De acordo com a organização continental, tal procedimento irá assegurar uma Comissão da União Africana mais eficaz como uma sede estratégica para as Operações de Apoio a Paz, aspecto que será igualmente debatido na reunião ministerial.

O ministro da Defesa Nacional e a sua comitiva regressam domingo a Luanda. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA