Unita apela sociedade para que participe no processo eleitoral

Vitorino Nhany (DR)

O secretário da Presidência da Unita para os Assuntos Eleitorais, Victorino Nhany, exortou hoje, terça-feira, no município de Viana, em Luanda, a participação activa da sociedade na preparação do pleito eleitoral de 2017.

O político, que falava em conferência de imprensa sobre “o ponto de situação do processo eleitoral”, disse que tanto os partidos políticos, igrejas, associações civis, organizações filantrópicas, autoridades tradicionais como os demais actores sociais devem contribuir com ideias para o êxito do processo.

Victorino Nhany considerou que se devem corrigir os erros decorrentes da história, a fim de se trilhar um caminho que conduza à estabilidade de Angola e dos angolanos.

“A estabilidade política de Angola deve ser o objectivo de todos os angolanos e, para tal, devemos preparar as eleições de 2017, obedecendo a Constituição do país”.

Advogou que se alguém organizar as eleições em contravenção à Constituição, estará a usurpar e subverter o poder do povo, pois só este é o titular tanto do poder constituinte como dos poderes constituídos.

Referiu que todo Estado que consagra na sua Constituição a democracia como valor político, deve reger-se em seis pilares fundamentais, entre os quais a realização de eleições livres, justas, transparentes e periódicas, observância do princípio das liberdades individuais e colectivas, transparência e prestação de contas, dentre outros.

A Unita manifesta preocupação a nível da preparação das eleições, relativamente ao arrolamento e correcção dos passivos das últimas eleições e ao que considera não observância de mudança de atitudes quanto à condução do processo eleitoral. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA