Sobreviventes retirados dos escombros em Nairobi

(EURONEWS)

Três mulheres e um homem foram resgatados dos escombros do edifício que ruiu, há seis dias, em Nairobi, no Quénia. Segundo o comandante da polícia o número total de mortos ascende a trinta e nove. Setenta pessoas continuam desaparecidas e 140 foram resgatadas.

Mesmo durante a noite as operações de resgate continuam. A polícia acredita poder haver mais sobreviventes:

“Resgatámos coelhos dos escombros do edifício e para mim isso é um sinal de que há vida no seu interior. Se eles estão vivos significa que há circulação de oxigénio e é possível encontrarmos pessoas vivas”, adiantou o responsável pelas operações de resgate.

A verdade é que já encontraram, pessoas vivas. A primeira a ser salva, esta quinta-feira, a meio da tarde, foi uma mulher grávida que acabou por perder o bebé. Apesar desta tragédia, está bem. Como explica o marido:

“A minha mulher não corre perigo, sei que está bem porque fui ter com o médico e perguntei se ela me reconheceria e foi ela a responder dizendo que eu era o marido dela, que me conhecia”, explica Stephen Onyango

A esperança de encontrar sobreviventes persiste mas dos escombros são também retirados corpos.

As buscas foram entretanto alargadas à ribeira de Mathare, temendo-se que os habitantes, em pânico, se tenham atirado quando o prédio de seis andares ruiu devido às chuvas torrenciais e à má qualidade da construção. (EURONEWS)

por Nara Madeira

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA