Mulher é indiciada por fazer sexo com cão pitbull

(DR)

Quando a polícia suspeitou de que a britânica Jenna Louise Driscoll, de 26 anos, consumia e traficava maconha, os agentes então solicitaram que seu telemóvel fosse examinado a fim de que fossem encontradas evidências do uso e da comercialização da droga. O que eles não esperavam é que encontrassem vídeos de Jenna fazendo sexo com um pitbull.

Ao menos três registos teriam mostrado o cachorro e a moça fazendo sexo, o que fez com que ela fosse indiciada esta semana por zoofilia, além, também, da acusação por tráfico de drogas.

Seu julgamento ainda não foi marcado, mas ela, representada por seus advogados, garante ser inocente desde a primeira vez que foi detida, em 2014.

A primeira acusação de porte de substância ilícitas é de dois anos atrás e, na época, Jenna foi fotografada entrando em casa com um cachorro pitbull de estimação, o que acabou alimentando ainda mais toda a história.

A Sociedade Real de Prevenção à Crueldade com os Animais, que opera na Inglaterra e no País de Gales, afirmou que o zoofilia não está inclusa no código de Protecção Animal do órgão.

“Para que nós tomássemos alguma atitude, teria que ser provada que de fato foi algo cruel e traumatizante para o animal”, explicou o porta-voz da entidade. “Se esse for o caso, nós faremos o possível para ajudar o cachorro”. (YAHOO)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA