Ministro da Defesa pede preservação da paz

João Lourenço - Ministro da Defesa Nacional (arq) (Foto: Lino Guimarães)

O ministro da Defesa Nacional, João Lourenço, admitiu nesta terça-feira, no município de Negage, 37 quilómetros da cidade do Uíge, sede capital da província, a necessidade de se continuar a prestar atenção ao sector de defesa, neste tempo de paz, de forma a que possa exercer cabalmente as suas actividades.

“O melhor momento para cuidarmos da nossa defesa é precisamente na situação de paz, onde não temos que fazer as coisas a correr sob pressão dos combates, onde podemos programar as nossas instruções, a nossa preparação combativa com mais calma e com um maior nível de organização”, referiu.

Ao falar às tropas em paradas da 51ª Brigadas de Infantaria Motorizada, estacionadas a 15 quilómetros da cidade de Negage, lembrou que a responsabilidade da defesa do país não cessou com o calar das armas.

Lembrou que todos os países, quer estejam em situação de conflito, quer não, têm que cuidar da sua defesa. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA