Mais de 700 estrangeiros expulsos por estadia ilegal no país

Estrangeiros Ilegais (Foto: Jornal de Angola)

Pelo menos setecentos e sessenta e quatro cidadãos estrangeiros de diversas nacionalidades foram expulsos do país por permanência ilegal, informou nesta quarta-feira à Angop fonte do Serviço de Migração e Estrangeiros (SME).

As referidas expulsões ocorreram no período de 11 a 18 de Maio do ano em curso.

Em virtude de terem sido realizadas acções de fiscalização nas áreas de maior concentração de estrangeiros ilegais na província de Cabinda e as campanhas de sensibilização na Lunda Norte, saíram ainda voluntariamente do país 129 cidadãos da RDC, sendo 102 em Cabinda e 27 na Lunda Norte.

A fonte realçou que foram também autuados 81 cidadãos por infracção as normas estabelecidas na Lei nº 2/07, de 31 de Agosto, sobre o Regime Jurídico de Estrangeiros e sancionadas com multas três empresas, no âmbito do artigo 115º da mesma lei (emprego de mão-de-obra ilegal).

Em relação ao movimento migratório, ao nível dos postos de fronteiras do país o SME registou neste período a entrada de 24.401 passageiros, sendo 14.952 cidadãos estrangeiros e a saída de outros 28.296, dos quais 12.652 são cidadãos nacionais.

O SME controla ao nível do país, através dos Centros de Detenção de Imigrantes Ilegais, um total de 133 cidadãos estrangeiros de diversas nacionalidades com maior predominância para oeste africanos que aguardam o repatriamento para os respectivos países de origem. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA