Higino Carneiro propõe comité de consultas

(Foto: Lito Cahongulo)

Catorze delegados à XIIª Conferência Provincial de Luanda do MPLA, realizada Sábado último, votaram contra a reeleição de Higino Carneiro ao cargo de primeiro secretário.

O reconduzido primeiro secretário, anunciou que vai propor ao Secretariado do Bureau Político que lhe seja autorizado constituir um comité de consultas para integrar militantes já experientes, a fim de o auxiliarem na concepção e avaliação das acções partidárias e no seus reflexo na sociedade. Na ocasião, o reeleito primeiro secretário agradeceu o voto de confiança que lhe foi depositado, alegando estar tranquilo e confiante com a equipa eleita na Conferência.

“Se eu for autorizado convidarei muitos dos que hoje me servem de exemplo e que cessam o seu mandato para fazer parte desse eleito no veterano, que ao longo do seu percurso político nada mais fizeram senão trabalhar para a vitalidade do MPLA”, disse. Dos dois mil e 285 delegados previstos, participaram na XIIª Conferência dois mil e 102 delegados que reconduziram o general, Francisco Higino Lopes Carneiro ao cargo de primeiro secretário do MPLA na província de Luanda, tendo sido apresentado como candidato único, com dois mil e 69 votos a favor e catorze votos contra.

O político, que também presidiu a referida conferência, destacou o trabalho realizado pelo Comité Provincial durante o mandato 2009 – 2016, tendo focalizado a campanha de crescimento do partido em curso na província de Luanda, consubstanciada no ingresso de novos militantes para o enquadramento nos Comités de Acção (CAP’S) e na sua formação política e ideológica. No âmbito da acção governativa, destacou a alteração da esfera orgânica do Governo da Província de Luanda e as respectivas áreas de intervenção, anunciando que o Comité Provincial deverá adequar as suas estruturas, tão logo estejam preparadas as condições para a criação de novos distritos urbanos. (OPAIS)

por Neusa Felipe

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA