Filipe Nyusi inicia viagem à China

Filipe Nyusi, chefe de Estado de Moçambique (Miguel Martins/RFI)

O Presidente de Moçambique, inicia amanhã a primeira visita oficial à China, numa altura em que o caso das dívidas ocultadas e a queda do preço das matérias-primas estão a fragilizar o país. Filipe Nyusi nega que esta deslocação esteja relacionada com a dívida pública.

O chefe de Estado moçambicano inicia nesta segunda-feira uma visita de sete dias a República Popular da China.

Apesar das críticas e cepticismo que norteiam esta viagem, segundo um comunicado da presidência moçambicana, esta deslocação surge a convite do seu homólogo Xi Jinping, Filipe Nyusi nega que a mesma esteja relacionada com a dívida pública.

Os partidos políticos da oposição e a sociedade civil moçambicana advertem para o facto de que visita do chefe de Estado, Filipe Nyusi, à República Popular da China não sirva para a contrair ainda mais dívidas.

Recorde-se que, a viagem do estadista moçambicano a decorrer de 16 a 21 de Maio corrente foi autorizada na semana passada pela Comissão Permanente da Assembleia da República. (RFI)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA