Ex-mulher de Sócrates suspeita de receber quase um milhão de euros – DN

(Negocios)

O Ministério Público reclama de Sofia Fava 191 mil euros em impostos, avança o Diário de Notícias. Ex-mulher de Sócrates está indicada por fraude fiscal e branqueamento de capitais.

A ex-mulher de José Sócrates resolveu não prestar declarações quando, no dia 20 de Abril, ouviu de Rosário Teixeira o elenco de suspeitas que recaem sobre si, avança o Diário de Notícias desta quarta-feira. Ao todo, o Ministério Público suspeita que Sofia Fava recebeu quase um milhão de euros de Carlos Santos Silva ao longo dos anos, dinheiro esse que as autoridades suspeitam pertencer o ao seu ex-marido, José Sócrates.

As suspeitas imputadas pelo Ministério Público remontam a 2009, quando Carlos Santos Silva, José Sócrates e Sofia Fava acordaram entre si fazer chegar 5 mil euros/mês a Fava. O valor seria pago através da assinatura de um contrato de prestação de serviços à empresa XML, de Carlos Santos Silva, prestações essas que não chegaram a ocorrer, segundo o Ministério Público.

Em 2010, quando Sofia Fava fez obras na rua Abade de Faria, em Lisboa, o local onde Sócrates viveu temporariamente após a saída da prisão. Depois de ter comprado a casa Sofia Fava recorreu a Carlos Santos Silva para fazer obras, que lhe indicou a empresa Gigabeira, da qual é sócio. As obras foram avaliadas em 300 mil euros, e Sofia Fava pagou-as com a venda de um outro prédio à Gigabeira por 400 mil euros, prédio esse que estava avaliado em 290 mil euros. Ou seja, só aqui, ex-mulher de José Sócrates terá recebido mais de 100 mil euros.

Em 2011 Santos Silva fez um depósito de 760 mil euros no BES, que serviu de garantia para Sofia Fava comprar o Monte das Margaridas, em Montemor-o-Novo, um financiamento que terá prosseguido nos anos subsequentes.

Ao todo, o MP suspeita que Sofia Fava recebeu cerca de um milhão de euros de Carlos Santos Silva e reclama para o Estado 191 mil euros em impostos, diz o Diário de Notícias. (Jornal de Negocios)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA