Dono de restaurante na Inglaterra é preso por morte de cliente alérgico

(AFP)

O proprietário de um restaurante indiano na Inglaterra foi condenado nesta segunda-feira a seis anos de prisão pela morte de um cliente alérgico a amendoim e que havia especificado a sua condição aos responsáveis pelo estabelecimento.

Em uma decisão sem precedentes, Mohammed Zaman, de 53 anos, foi condenado pelo homicídio de Paul Wilson, um cliente de 38 anos de seu restaurante em York, ao norte da Inglaterra.

Wilson pediu um frango tikka masala para comer em casa, informando sua alergia, tendo obtido a garantia de que não teria problemas. Contudo, o restaurante utilizou pó de amendoim na preparação, pois era mais barato que as tradicionais amêndoas.

O homem foi encontrado morto no banheiro de sua casa em Janeiro de 2014 por conta de um severo choque anafilático.

Três semanas antes, uma menina de 17 anos sofreu uma reacção alérgica em outro dos seis restaurantes de Zaman nas mesmas circunstâncias. (AFP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA