Dívida Pública preocupa novo PM de Cabo Verde

Ulisses Correia e Silva, novo primeiro ministro de Cabo Verde preocupado com a dívida pública do país. (DR)

O novel primeiro-ministro caboverdiano, Ulisses Correia e Silva, cujo partido MpD, ganhou as recentes eleições legislativas, mostrou-se preocupado com as dívidas do país, nomeadamente a dívida pública.

O primeiro-ministro de Cabo Verde, Ulisses Correira e Silva, mostrou-se muito preocupado com as dívidas do país, após a audiência de sexta-feira, 13 de maio, com o presidente da República.

O novo chefe do governo caboverdiano, Ulisses Correia e Silva, cujo partido MpD, ganhou as últimas legislativas, disse que a dívida pública é de quase 130 por cento do Produto Interno Bruto, uma dívida herdada do antigo governo do PAICV de José Maria Neves.

Alguns desafios que precisam ser ultrapassados, segundo o primeiro-ministro, que observou também para programa Casa para Todos que afecta a situação financeira do país e particularmente da Imobiliária, Fundiária e Habitat (IFH).

Segundo ainda, Ulisses Correia e Silva, são 2 milhões de contos de dívidas com os empreiteiros e fornecedores, para além da problemática dos 200 milhões de euros que Cabo Verde deve a Portugal.

O primeiro-ministro promete mudar do conselho de administração da IFH, imobiliária responsável pela gestão do programa Casa para Todos, logo após a aprovação do programa do Governo e a moção de confiança agendada para 24 deste mês, na Assembleia Nacional. (RFI)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA