Brasília festeja a passagem da Tocha Olímpica

(Pedro Ventura/ Agência Brasília)

Brasília foi escolhida para ser a primeira parada da Tocha Olímpica no Brasil. Depois de percorrer 105 quilômetros e passar pelas mãos de 143 condutores, a Chama Olímpica acendeu uma pira durante a festa de celebração, na noite desta terça-feira (3), informou Agência Brasil.

A festa aconteceu no gramado, em frente ao Museu da República, na Esplanada dos Ministérios. A ex-jogadora de vôlei e atual secretária de Esporte, Turismo e Lazer do Distrito Federal, Leila Barros, fechou o revezamento na cidade.

Prevista para 20h50, a Tocha chegou às 22h50 na festa, acompanhada por cerca de 5 mil pessoas, segundo a Polícia militar. Antes da presença da Chama Olímpica, o público assistiu a shows e discursos e aproveitou para vaiar o governador Rodrigo Rollemberg.

A chama desembarcou em Brasília às 7h25, trazida dentro de uma lanterna pelo presidente do Comitê Organizador dos Jogos Rio 2016 e do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), Carlos Arthur Nuzman.

A chama seguiu em carro fechado para o Palácio do Planalto, onde foi iniciado oficialmente o revezamento da Tocha no Brasil. A presidenta da República Dilma Rouseff participou da cerimônia de acendimento da Tocha.

Atletas olímpicos e paralímpicos participaram do revezamento em Brasília. Vanderlei Cordeiro de Lima e Joaquim Cruz (atletismo), Paula Pequeno (vôlei), Alan Fonteles (para-atleta do atletismo), Thiago Pereira (natação) foram alguns deles. A passagem pela tocha em Taguatinga, bairro do Distrito Federal, contou com a presença maciça da população.

Amanhã de manhã, a Chama Olímpica segue para os municípios de Corumbá de Goiás, Pirenópolis e Anápolis, em Goiás. No dia 4 de agosto, ela chegará à cidade do Rio de Janeiro, para acender a Pira Olímpica no Maracanã, durante a cerimônia de abertura dos Jogos Rio 2016, no dia seguinte. (SPUTNIK)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA