Basquetebol: Petro quebra invencibilidade do Libolo

Momentos do jogo entre Petro e Libolo (Foto: Rosario dos Santos)

O Petro Atlético de Luanda quebrou a invencibilidade do Recreativo do Libolo na presente temporada em jogos entre si, após ganhar por 96-87 na noite de terça-feira no pavilhão Dream Speace, num jogo em que Emanuel Quezada foi o melhor cestinha com 26 pontos.

A partida foi referente a última jornada da fase de grupos do campeonato nacional sénior masculino de Basquetebol ‘’BIC-Basket’’.

A formação petrolífera orientada pelo camaronês Lazaré Adingonó entrou bem na quadra do jogo dirigido por uma dupla de arbitragem proveniente da província de Benguela, constituída por Cláudio Anderson e Ruben Dumbula.

A nomeação destes juízes foi um recurso da Federação Angolana de Basquetebol (FAB) face a reivindicação feita pela Associação de Árbitros da modalidade que ameaçou não comparecer nos pavilhões para apitar os últimos desafio desta fase.

A equipa de Luanda esteve bem nos primeiros minutos, tendo levado uma vantagem de cinco pontos sobre o conjunto do Cuanza Sul durante o primeiro quarto que registou três sucessivos empates no placard (14×14, 16×16 e 18×18).

No final deste período, o Recreativo do Libolo impôs-se ao opositor e terminou com uma vantagem de 23-18.

No segundo quarto, os petrolíferos conseguiram recuperar a larga desvantagem no marcador até ao intervalo a vencer por 50-42.

No reatamento, após o descanso, os comandados de Lazer Adingono não mais largaram a liderança, chegando no final do terceiro turno a frente (70-64).

No derradeiro quarto, O Recreativo do Libolo tentou aproximar-se no marcador, chegando mesmo a dois pontos de diferença quando faltavam três minutos para o final da partida, período em que Roggie Moore, do Petro de Luanda, foi desqualificado por ultrapassar o limite de faltas.

O Libolo algo descontrolado foi perdendo posses de bola, facilitando o adversário que optava por lançamentos exteriores certeiros, com o resultado final a seu favor por 96-87.

Com este resultado, o Petro Atlético terminou com oito pontos e vai jogar com o quarto classificado, enquanto o Libolo terá pela frente, nos Play Off, o terceiro colocado desta competição. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA