Áustria: votos postais vão decidir resultado das presidenciais (vídeo)

(EURONEWS)

Na Áustria números oficiais sugerem que o candidato da extrema-direita, Norbert Hofer, está em vantagem na corrida para a presidência.

Resultados oficiais anunciados pelo Ministério do Interior sugerem que Hofer tem mais 3,8% de votos do que Van Der Bellen.

Este resultado contudo não leva em linha de conta o voto postal.

De acordo com dados oficiais, cerca de 14% do eleitorado optou pela via postal (885.437 eleitores), cujos resultados só serão conhecidos esta segunda-feira.

“Ninguém queria um resultado destes. Queríamos dormir descansados esta noite mas agora vamos ter que esperar até amanhã. Há muito tempo que sou político mas nunca passei uma noite como esta. Tudo o que posso dizer é que quem sair vencedor terá que unir a Áustria de novo” afirmou Norbert Hofer em entrevista ao canal público de televisão.

Falando no mesmo programa, o candidato Alexander Van Der Bellen acrescentou que “nas últimas duas semanas houve um enorme movimento entre o eleitorado, músicos, atores, pessoas de todas as profissões, gerações e várias classes sociais. Isto foi muito útil e estou muito agradecido por isso”.

Caso se confirme a vitória do candidato do Partido da Liberdade, Norbert Hofer, trata-se da primeira vez que um candidato da extrema-direita ocupa a presidência de um país europeu após o fim da Segunda Guerra Mundial.

Na Áustria, o detentor do cargo de presidente tem o poder de dissolver o parlamento e nomear o primeiro-ministro.

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, já expressou preocupação pelo avanço da extrema-direita no país. (EURONEWS)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA