Reinaugurado supermercado Shoprite do Palanca

SUPERMERCADO FOI REINAUGURADO HOJE PELO VICE-GOVERNADOR DE LUANDA, JOSÉ MANUEL CERQUEIRA (FOTO: HENRI CELSO)

O supermercado Shoprite localizado na comuna do Palanca, distrito urbano do Kilamba Kiaxi, em Luanda, foi reinaugurado esta quarta-feira, após ter recebido obras de reabilitação e recuperação das instalações antigas destruídas por um incêndio de grandes proporções presumivelmente provocado por um curto-circuito, em Julho de 2014.

O corte da fita da nova infra-estrutura comercial coube ao vice-governador de Luanda para sector económico, José Manuel Cerqueira, que considerou a ocasião como um exemplo de perseverança e persistência do grupo empresarial que serve de encorajamento para outros investidores nacionais e estrangeiros a seguirem o mesmo modelo.

O dirigente afirmou que o grupo shoprite tem contribuído significativamente para modernização do comércio com o surgimento de infra-estruturas comerciais modernas e o aumento de oferta de produtos diversos no mercado interno, com objectivo de melhorar as condições de vida da população.

Segundo vice-governador, o ressurgimento do supermercado, que criou 400 postos de trabalho directo entre nacionais e estrangeiros, vai repercutir-se positivamente no bem-estar e no nível de vida das famílias.

“Com a criação destes postos de trabalho o supermercado junta-se aos esforços do Executivo Angolano na luta contra o desemprego e a pobreza”, afirmou José Manuel Cerqueira.

Felicitou o grupo empresarial pelo dinamismo que teve na concepção do estabelecimento comercial, que vai proporcionar produtos alimentares e artigos domésticos, bem como serviços de alta qualidade que vão contribuir positivamente em prol da diversificação da economia nacional e para o bem-estar das populações.

O acto de reinauguração da Shoprite, que simbolizou o início das vendas dos seus produtos nos dias e horários habituais, foi testemunhado pelo director internacional do grupo empresarial, James Basson, líderes religiosos, empresários e outras individualidades.

A nova infra-estrutura comercial engloba um restaurante/bar, lojas de vestuário e calçados, assim como uma loja de venda de mobília e um parque vasto de estacionamento de viaturas.

Com mais de 4.500 metros quadrados, o supermercado privado vende produtos alimentares diversos, electrodomésticos, entre outros. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA