Projectos das empresas chinesas em Angola cifrado em 56,7 biliões de dólares em 2015

Embaixador da República Popular da China no país - Cui Aimin (Foto: Francisco Miudo)

O valor acumulado dos projectos de empreitada das empresas chinesas em Angola até o fim de 2015 é de 56,7 biliões de dólares americanos, afirmou hoje, sábado, em Luanda, o embaixador da República Popular da China no país, Cui Aimin.

Ao intervir na celebração do 10º aniversário da Câmara de Comércio Angola-China, Cui Aimn disse que 90 porcentos deste valor são de empresas membros da câmara, o que contribui assinalavelmente à reconstrução pós-guerra e desenvolvimento económico e social de Angola.

Salientou que é o maior parceiro comercial de Angola, sendo Angola o segundo maior mercado de empreitada e terceiro maior parceiro comercial da China na África.

Referiu que a cooperação comercial no futuro estará concentrada em ajudar Angola a desenvolver na agricultura, indústria, construção de infra-estruturas ferroviárias, estrada, hospitais, escolas, administração municipal, transmissão e transformação da electricidade e usina hidroeléctrica, o que oferece oportunidades boas de desenvolvimento às empresas chinesas no país.

Realçou que esta relação comercial está a entrar numa nova fase e que a câmara do comércio encontrará novo ponto de partida e uma nova missão, bem como continuará a desempenhar o papel de plataforma, estabelecendo os mecanismos de cooperação com todos os níveis do Executivo angolano.

Ressaltou que a câmara enfatiza sempre a concretização firme dos conceitos de fidelidade, efectividade, afinidade e sinceridade.

Garantiu que a China vai reforçar a comunicação folclore e intercâmbio cultural com o povo angolano, assim como promover a amizade entre os dois povos, transformar. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA