Prince não deixou testamento

O músico Prince, em Paris, no dia 15 de Junho de 1987 (AFP/Arquivo)

O músico Prince, que faleceu na quinta-feira passada, não deixou testamento, informou sua irmã a um tribunal para solicitar que designe um administrador especial que assuma a sucessão dos inúmeros bens do artista.

“Não tenho conhecimento da existência de um testamento e não tenho razões para acreditar que tenha deixado documentos sucessórios de qualquer tipo”, assinalou Tyka Nelson em uma carta ao tribunal de Minessota.

A lenda do pop, conhecido por sua ampla produção musical, morreu repentinamente na quinta-feira, aos 57 anos, em sua residência de Paisley Park, nas proximidades de Minneapolis, sua cidade natal.

Prince havia sido hospitalizado uma semana antes ao reclamar de sintomas similares ao de uma gripe. O avião particular do artista teve que fazer um pouso de emergência quando retornava de Atlanta, onde ele fez seus últimos shows oficiais. (AFP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA