Moxico: Professores reafirmam compromisso de melhorar qualidade de ensino

Abel Jones Piqui, secretário do Comité de Especialidade dos Professores (Foto: David Dias)

O comité de especialidade dos professores do MPLA na província do Moxico reafirmaram domingo, no Luena, a vontade de continuar a ajudar o governo na melhoria da qualidade de ensino e aprendizagem, no âmbito das políticas de desenvolvimento do partido.

Falando à Angop à margem da sua eleição, o primeiro secretário eleito, Abel Jones Piqui, reforçou que o comité de especialidade dos professores do MPLA vai apoiar os organismos da direcção do partido na formulação e avaliação das políticas e estratégias nos vários domínios da vida académica na província.

O político explicou que quanto maior forem os níveis de organização, desenvolvimento e expansão, maior serão as possibilidades dos angolanos para colocar a província na linha do desenvolvimento cientifico.

“Comprometemo-nos em trabalhar afincadamente no sentido de respondermos positivamente a confiança que nos foi depositada pela direcção do partido na província, versados na melhoria do ensino e gizar políticas que visam aumentar mais salas de aula para absorver maior número de crianças no sistema normal de ensino”, disse.

O responsável prometeu igualmente apostar na formação contínua de professores e quadros para todos os sistemas de educação e ensino, a melhoria das suas condições sociais dos professores, adequação do sistema do ensino e evolução permanente no mundo da ciência e tecnológica como desafios do comité de especialidade ora criado.

Abel Jonas Piqui enalteceu o papel do professor na sociedade, enquanto educador, transformador social, agente de educação cívica, construtor e moralizador do homem novo.

Na província do Moxico, o MPLA criou nove comités de especialidades, nomeadamente dos Professores, Ensino Superior, Jornalistas, Economistas, Médicos, Enfermeiros, Juristas, Engenheiros e Arquitectos para ajudarem a dinamizar os programas e projectos do partido maioritário na região. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA