Moxico: Escola Superior implementa cursos de engenharia e tecnologia

Moxico: Ministro do Ensino Superior durante a visita à ESPMx (Foto: Kinda Kyungu)

Dois novos cursos: Engenharia e Tecnologia, serão implementados no ano académico 2017, na Escola Superior Politécnica do Moxico, anunciou quarta-feira, no Luena, o Ministro do Ensino Superior, Adão do Nascimento.

Falando à imprensa, no final da visita de trabalho de algumas horas àquela instituição afecta a Universidade José Eduardo dos Santos (UJES), especificou que a engenharia vai albergar a mecânica, agrícola, electrónica, electricidade e informática, enquanto que o de tecnologia visa igualmente aumentar a oferta para se diversificar a qualidade e quantidade de quadros no mercado, no âmbito do Plano Nacional de Formação de Quadros (PNFQ).

O governante augura um melhor funcionamento dos cursos e assegura a qualidade desejada, para que os quadros que terminarem tais formações tenham as competências, devidamente, reconhecidas, quer pelos beneficiários dos seus serviços, como nas instituições públicas ou privadas.

Reconheceu que se não haver condições criadas para assegurar a qualidade, o risco será maior de ter-se pessoas com diplomas e sem conhecimentos e competências técnicas necessárias para contribuir no crescimento social e económico da província, e do país, em geral.

Reafirmou que o Ministério do Ensino Superior está trabalhar para o crescimento da rede de ensino, mas com muita prudência, criando condições que permitam oferecer cursos e instituições novas públicas e privadas, para contribuir no desenvolvimento almejado.

A Escola Superior Politécnica do Moxico lecciona os cursos de Educação (Matemática, Geografia, Física, Química), Saúde (Enfermagem e Laboratório Clínico) e Engenharia (informática e Computação). É uma unidade orgânica da UJES no Moxico e integra a V Região Académica que tem a sua sede no Huambo e inclui ainda a província do Bié. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA