México: Peritos internacionais acusam governo de interferência em investigação

(EURONEWS)

Um painel de peritos internacionais acusou o governo mexicano de ter interferido na investigação sobre o alegado massacre de 43 estudantes da escola de magistério rural de Ayotzinap, em 2014.

Num relatório de 600 páginas, os investigadores afirmam que as autoridades bloquearam o acesso a pessoas ou provas. O governo garantiu que os investigadores tiveram total acesso aos elementos da investigação. (EURONEWS)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA