EUA: Cruz e Kasich unem forças para impedir vitória de Trump

(Sputnik/ Ekaterina Chesnokova)

O senador pelo estado do Texas Ted Cruz e o governador do Ohio John Kasich chegaram a um acordo de dividir alguns dos estados restantes para impedir a vitória de Trump, seu rival à nomeação republicana.

O magnata do imobiliário Donald Trump poderá vir a ganhar os 1.237 delegados necessários para a nomeação republicana. O candidato do Partido Republicano, em seguida, irá competir com o candidato democrata nas eleições de Novembro.

“Ter Donald Trump em primeiro lugar em Novembro seria uma catástrofe para os republicanos”, disse Jeff Roe, gerente de campanha de Cruz em comunicado.

“Para garantir que nomeamos um republicano que pode unir o partido e ganhar em Novembro, a nossa campanha vai focar tempo e recursos no estado de Indiana, para libertar o caminho do governador Kasich no Oregon e no Novo México,” disse Roe.

O estrategista sénior de Kasich John Weaver disse em uma declaração separada que, “tendo em conta a dinâmica actual da eleição primária [em Indiana], vamos mudar os recursos da nossa campanha para o Ocidente para dar a Cruz um caminho claro no estado de Indiana”.

Na terça-feira, a votação será realizada em cinco estados dos EUA. Indiana vai votar no dia 3 de maio, Oregon em 17 de maio e o Novo México no dia 7 de Junho. (SPUTNIK)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA