Escritor Lopito Feijó defende formação contínua

Escritor Lopito Feijó (Foto: António Escrivão)

O escritor Lopito Feijó defendeu quinta-feira, em Luanda, a formação contínua dos candidatos a criadores, com destaque para a língua portuguesa por constituir uma ferramenta indispensável no crescimento da literatura nacional.

Em declarações à Angop, o escritores pediu aos novos corpos gerentes da União dos Escritores Angolanos (UEA) acções que visem melhorar o processo criador dos autores.

Para o autor, o escritor deve dominar a língua, porque é formador de consciência, logo o pouco domínio da mesma constitui uma barreira no crescimento da literatura.

De acordo os Lopito Feijó, actualmente existe muitos interessados em seguir a carreira literária, mas são preciso que tenham a preocupação com o domínio da língua portuguesa.

A promoção e divulgação da literatura angolana, na arena internacional também constitui uma preocupação dos escritores, de acordo com a fonte, considerando pertinente que hajam acções, por parte da UEA, neste sentido. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA