Equador: Sismo provocou mais de 400 mortos (vídeo)

(EURONEWS)

Já são mais de 400 as vítimas mortais do sismo que atingiu o Equador no sábado. O último balanço foi revelado esta segunda-feira à noite. Mais de duas mil pessoas ficaram feridas e ainda não foi possível contabilizar o número de desalojados daquele que já foi considerado o pior terramoto a abalar o país desde 1979.

As equipas de busca e salvamento continuam numa luta contra o tempo para tentar encontrar sobreviventes.O presidente do Equador já esteve no local, agradeceu a todos os que estão a participar nas operações de resgate, incluíndo a ajuda que chegou de outros países como a Venezuela ou Colômbia. Rafael Correa lembrou ainda que a prioridade é exatamente o resgate de pessoas com vida, por isso mesmo, ainda não está a ser feito todo o trabalho de recolha dos cadáveres.

De acordo com o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS), que monitoriza a atividade sísmica mundial, desde sábado já se registaram mais de 239 réplicas, algumas com intensidade superior a 6 na escala de Richter. Recorde-se que o terramoto de sábado ocorreu a 10 quilómetros de profundidade e com o epicentro a cerca de 173 quilómetros da capital do Equador, Quito, e a apenas 28 quilómetros de Muisne. (EURONEWS)

DEIXE UMA RESPOSTA