Bié: Comboio volta a circular dentro de 30 dias no troço Cuito/Huambo/Lobito

Comboio ajuda no desenvolvimento socioeconômico do país (Foto: ANGOP)

Os comboios dos Caminhos de ferro de Benguela (CFB) voltam a circular no traçado Cuito/Huambo até ao Lobito dentro de 30 dias, informou o secretário de Estado para os Transportes Terrestres, José Kuvingua.

O responsável deu essa informação recentemente durante a sua passagem pela província do Bié, que visou avaliar o trabalho a ser desenvolvido no troço do caminho-de-ferro Huambo/Cuito, que se encontra paralisado em consequência da progressão de uma ravina na localidade de Santo Amaro (Huambo).

José Kuvingua disse que a situação está a obrigar os passageiros a intercalar entre as cidades do Lobito até ao Huambo. Referiu que do Huambo ao Cuito a circulação está a ser feita apenas por estrada e posteriormente os passageiros tomam o comboio do Cuito/Luau.

O gestor apontou como uma das razões da progressão da ravina, o desmatamento das florestas nas áreas adjacentes ao Caminho-de-ferro, tendo sublinhado que criaram-se clareiras dando espaço para a paralisação das águas.

Destacou por outro lado, a importância do comboio para a vida das populações, salientando que o referido meio de transporte permite levar passageiros e mercadorias em grande quantidade que contribuem para a revitalização da actividade económica das famílias.

Apelou na ocasião, a população a redobrar os esforços nos cuidados com as infra-estruturas do CFB, tendo em conta o tempo que levou a reconstrução das estações, bem como o valor investido pelo Governo na aquisição dos equipamentos.

“O governo angolano está a trabalhar para trazer as pessoas coisas novas, e não continuar a gastar na reposição de equipamentos por falta de cuidados por parte dos usuários”, referiu. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA