Aberto curso sobre Avaliação de Competências na Meteorologia Aeronáutica

Central de informação automática do Inamet (Foto: Pedro Parente)

Um curso de formação de formadores sobre Sistema de Avaliação de Competências (SAC), na área da Meteorologia Aeronáutica, teve início hoje (segunda-feira), em Luanda, numa iniciativa do Instituto Nacional de Meteorologia e Geofísica (INAMET).

Com a duração de cinco dias, a formação está a ser ministrada por quadros do Instituto Português do Mar e Atmosfera (IPMA), no âmbito da cooperação existente entre as duas instituições.

Os meteorologistas seleccionados receberão conhecimentos ligados ao “Enquadramento da Legislação Internacional sobre o SAC entre a Organização Internacional de Aviação Civil (ICAO) e a Organização Mundial de Meteorologia (OMM) e o SAC do IPMA (notas técnicas, regulamentação, avaliação e documentos de apoio para o efeito)”.

Durante a formação, que decorre no “Centro de Georiscos” do INAMET, os técnicos vão ainda realizar a simulação de uma avaliação a um Observador Meteorológico, aprender a elaborar o referido relatório, além de analisar os resultados com o auxílio de um meteorologista aeronáutico.

A formação decorre do cumprimento da Resolução 53, saída do XI congresso da OMM, que orienta que os prestadores de serviço de “Meteorologia Aeronáutica” sejam submetidos a “Avaliação de Competências”, para permitir a aferição do seu grau de profissionalismo.

A OMM e a ICAO definiram, inicialmente, o dia um de Dezembro de 2015, como data limite para que os Serviços de Meteorologia Aeronáutica cumpram com o requisito, tendo posteriormente sido prorrogada para Dezembro de 2016, segundo anunciou à Angop o director-geral do INAMET, Domingos Nascimento.

“A OMM e a ICAO decidiram alterar o prazo, visto que muitos estados encontraram dificuldades para avaliar os seus técnicos, em função a actual crise económica mundial”, afirmou. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA