Sérvio Vojislav Seselj absolvido de crimes de guerra e contra a humanidade pelo TPI

(EURONEWS)

O Tribunal Penal Internacional para a ex-Jugoslávia absolveu Vojislav Seselj das nove acusações de crimes de guerra e contra a humanidade pelas quais foi julgado em Haia.

Na leitura do veredito, o juiz Jean-Claude Antonetti precisou que o “mandado de captura deixa de ter efeito” e que o político ultranacionalista sérvio de 61 anos “é assim um homem livre”. Seselj recebeu a notícia no país-natal, onde se encontrava desde o ano passado em liberdade condicional, por sofrer de um cancro do cólon, que obrigou a várias intervenções cirúrgicas.

Seselj era conhecido pela violência verbal nos apelos à formação de uma “Grande Sérvia”, durante o conflito dos anos 90 na ex-Jugoslávia, e acusado de incitar os atos de genocídio cometidos pelas tropas de Slobodan Milosevic e Radovan Karadzic.

O veredito reveste-se de uma importância vital para o político ultranacionalista, que é cabeça-de-lista do Partido Radical Sérvio para as legislativas de 24 de abril. (EURONEWS)

por Rodrigo Barbosa

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA