Responsável considera importante Angola sair mais do seu mercado musical

Presidente do African Music Magazine Awards, Anderson Obiagwu (Foto: Rosário dos Santos)

O presidente da Afrimma, o nigeriano Anderson Obiagwu, que chegou terça-feira ao país, considerou hoje, quinta-feira, em Luanda, ser necessário que a música angolana saia mais do mercado local para ir mais para outros que mais consomem, como por exemplo o africano.

Em declarações à Angop, Anderson Obiagwu aconselhou os angolanos a não terem receio das barreiras da linguagem, exemplificado que a música latina no Estado Unidos da América (EUA) é muito ouvida pelos americanos, que só falam inglês e não entendem espanhol, mas conseguem perceber que é boa pelo ritmo e melodia.

“A música angolana é muito boa e o que os artistas precisam é de melhores agenciamentos, porque quem faz a música atravessar barreiras não é o próprio artista”, acrescentou.

Frisou que os angolanos não devem ter medo, porque a música nacional tem tudo para competir com outras a nível mundial.

O responsável que vai permanecer no país até ao dia 20 deste mês, aproveitará para constatar o mercado musical angolano.

Garantiu já gostar imenso da música angolana e ficou interessado no seu ritmo e melodia. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA