Mulher diz que conseguiu engravidar colocando sanguessuga na vagina

(YAHOO)

Nina Barbora Evans tinha vários miomas (tumores não cancerígenos no útero) e ouviu dos médicos que jamais voltaria a engravidar. A lituana, que estava na faixa dos 40 anos de idade quando recebeu esse diagnóstico, optou por passar por uma terapia um tanto quanto radical.

Nina passou a colocar sanguessugas dentro da vagina para que elas diminuíssem os sangramentos no seu útero. Segundo reportagem do The Sun, o tratamento não só deu certo e ela pôde voltar a engravidar, como seus orgasmos se tornaram mais duradouros e intensos.

A mulher escolheu as sanguessugas porque elas são usadas na Lituânia para uma grande variedade de doenças.

“Elas são uma cura para tudo. Já tinha tido essa experiência. As sanguessugas se prendem ao corpo e liberam três substâncias: um anestésico local para reduzir a dor, um vasodilatador para melhorar o fluxo sanguíneo e hirudina e calina para evitar a coagulação”, disse ela ao jornal inglês.

(YAHOO)
(YAHOO)

Para as moças que se assustaram ao saber da notícia, a lituana garante que não tem motivo para ter medo. “Não há o que temer: todas as sanguessugas que entram também saem, já que naturalmente elas se soltam quando ficam cheias de sangue. Não existe chance de alguma ficar lá dentro”, completou.

A terapia com sanguessugas no útero durou cerca de 8 meses e, aos 45 anos, Nina finalmente conseguiu engravidar. “Sei que sem as sanguessugas eu não teria chance de ter tido meu filho Noel”, afirmou a mulher, que também usa os animais para tratar ferimentos causados por quedas do filho, hoje já com 6 anos. Entretanto, ainda não há confirmações científicas que atestem a eficácia do tratamento. (YAHOO)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA