MPLA pede calma à juventude

Higino Carneiro - Primeiro Secretário do MPLA em Luanda (Foto: cedida a Angop/Arq)

O primeiro secretário provincial do MPLA em Luanda, Higino Carneiro, admitiu neste sábado que a capital do país tem vários problemas, mas pediu ao movimento juvenil do partido (JMPLA) para ter calma e esperança no futuro.

Ao intervir num acto de massa alusivo à 12ª Conferência Provincial do Comité Provincial, no distrito urbano do Rangel, sublinhou que os jovens são o futuro do país e, como tal, devem levar essa mensagem de esperança à Nação.

Encorajou a juventude a ser criativa, compreensiva, modesta e responsável na gestão dos bens públicos, além de respeitar os mais velhos, nos bairros.

Assumiu que Luanda regista vários danos causados pelas chuvas constantes, originando muitas dificuldades e desconfortos às famílias da capital do país.

A essa dificuldade, disse, acresce-se o lixo, que vai aumentado nas ruas, porque os cidadãos, também, “não sabem tratar bem dos resíduos sólidos”.

É por este e outros motivos, no entender de Higino Carneiro, que se está a combater a febre-amarela e outras patologias, epidemias que devem ser erradicadas com intervenção multiforme.

“A juventude deve juntar esforços na limpeza dos bairros e ruas da província, num plano de intervenção que está a consertado com as igrejas, Forças Armas e Polícia Nacional, para que o quadro altere”, apelou.

Para contrapor as dificuldades, apontou a organização e disciplina como “arma” dos jovens, que devem ter entrega no trabalho, participação em acções de carácter social e ser solidários com os mais necessitados.

De igual modo, aconselhou, devem criar actividades desportivas e jornadas educativas, principalmente aquelas ligadas à elevação de conhecimento. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA