Ministro Cândido Van-Dúnem entrega residências a assistidos na Huíla

Antigos combatentes vão beneficiar de residências sociais (Foto: Morais Silva)

Cinquenta e quatro, de um total de 200 casas do tipo T3 construídas desde 2011 na cidade do Lubango, província da Huíla, em benefício de igual número de antigos combatentes e veteranos da pátria, serão nesta terça-feira, entregues aos visados pelo ministro de tutela, Cândido Pereira Van-Dúnem.

As casas construídas na comuna da Arimba, arredores do Lubango, serão entregues no âmbito do 16º conselho consultivo alargado do ministério que arranca na quarta-feira nesta urbe.

Segundo o director provincial do sector, Benjamim Kapata, a edificação das residências foi financiada com recursos do programa de fomento habitacional do executivo e outras pelo Ministério de tutela, que está preocupado com a situação dos assistidos sem casa própria.

Os custos do projecto não foram revelados, mas o gestor afirmou que o condomínio habitacional tem serviços básicos e sociais, na perspectiva de proporcionar melhor vida das famílias que ali vão residir.

Em 2014, a direcção dos antigos combatentes entregou 30 casas construídas no bairro do Tchioco, arredores da cidade do Lubango, aos seus assistidos.

Na Huíla, este sector controla seis mil 149 pensionistas, entre antigos combatentes e veteranos da pátria, órfãos, viúvas e descendentes de combatentes falecidos. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA