MININT vai continuar a apostar na melhoria das condições de habitabilidade dos reclusos

Cuanza Norte: Director provincial dos Serviços de Investigação Criminal, Joaquim António José (Foto: Diniz Simão)

O delegado provincial do interior em exercício no Cuanza Norte, Joaquim José António, afirmou domingo, no Estabelecimento Penitenciário de Ndalatando, sede da província do Cuanza Norte, que o Ministério do Interior (Minint) vai continuar apostar na melhoria das condições de habitabilidade dos reclusos internados nos centros prisionais do país.

Falando este domingo, durante o acto provincial do trigésimo sétimo aniversário dos Serviços Penitenciários em Angola, aquele responsável reafirmou o engajamento do Executivo Angolano e do seu ministério em particular, na humanização dos estabelecimentos prisionais, através da edificação de novas cadeias para se por cobro a actual situação de sobrelotação dos actuais estabelecimentos.

Acrescentou que, do mesmo modo, o sector tem desenvolvido esforços no sentido de melhorar as condições sociais e de trabalho dos funcionários da instituição, visando garantir aos seus órgãos e efectivos uma actuação eficaz dentro dos parâmetros estabelecidos para a reeducação dos reclusos. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA