Maduro acusa Obama de ‘incentivar loucura’

(AFP)

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, acusou Barack Obama de dar “sinal verde para a loucura”, quando o americano se mostrou favorável a apressar uma mudança no governo venezuelano.

“O decreto (que considera a Venezuela uma ameaça para a segurança dos Estados Unidos) é uma luz verde para o golpismo e terrorismo, e a declaração de Obama agora dá a luz verde para essa loucura”, declarou Maduro ao canal multi-estatal Telesur.

Em uma entrevista à cadeia CNN em espanhol, divulgada na segunda-feira, o presidente Obama afirmou estar preocupado com a economia da Venezuela, e disse que o quanto antes os venezuelanos elegerem um governo que considerem legítimo, será “melhor para todos”.

Em resposta, Maduro assinalou que “felizmente há na Venezuela uma solidez política, social e institucional”, e “aos loucos vamos contendo com a verdade, com o poder e com a força constitucional”.

“Obama dizendo que é preciso mudar o governo da Venezuela? Quem é você, Obama, para opinar sobre a Venezuela? Cuida do teu país porque está bem ruim”, afirmou Maduro. (AFP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA