Luanda: Autoridades da Ingombota consideram positiva mega campanha de recolha de resíduos sólidos

Campanha de Limpeza em Luanda (Ilustração) (Foto: Rosário Santos)

As autoridades administrativas da Ingombota, em Luanda, consideraram positivo os dois dias, dos cinco programados, para a mega campanha de recolha dos resíduos sólidos, com destaque para a varredura e recolha de resíduos sólidos.

Num balanço provisório, o administrador distrital, Lobato Neto, disse à Angop que a acção esta a decorrer nos cinco bairros da circunscrição com realce para os sectores do Saneamento, Chicala-I e II, Boavista, Ilha do Cabo e Kinanga.

Nestes três bairros estão a ser eliminados pequenos focos de lixo e transportados para dois pontos de transferência e posteriormente encaminhados para o aterro sanitário.

De acordo com Lobato Neto devido as características do distrito que abrange a maior parte da zona baixa da cidade capital, grande parte da campanha esta ser feita por varredura de ruas e avenidas envolvendo efectivos de defesa e segurança, unidade técnica, empresas especializadas e sociedade civil.

No 23 do corrente mês, o governo de Angola anunciou a inclusão de empresas chinesas na recolha do lixo, sobretudo com a responsabilidade de eliminarem os grandes amontoados na província de Luanda, com vista a melhorar o estado da saúde pública caracterizada como crítica.

A recolha massiva do lixo está a ser feita diariamente, mas com maior intensidade aos fins-de-semana e conta com o apoio de igrejas e da sociedade civil, para no prazo de 45 dias, determinados pelo governo, se acabar com os grandes acumulados.

Para o efeito, foram alocados aos municípios camiões basculantes, compactadores, tractores com reboque, pás carregadoras, pás, dumper, vassouras e máscaras.

Nesta empreitada estão empresas como a Bel, Encib, Elisal e unidades técnicas municipais que se juntam às empresas chinesas. Efectivos das Forças Armadas, Protecção Civil, Polícia, Serviços Penitenciários e a sociedade civil estão igualmente a apoiar a campanha. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA