Identificados os dois irmãos suspeitos do atentado no aeroporto

As autoridades belgas referem que as explosões foram causadas por bombistas suicidas. Jornal belga aponta para estes três homens (TVI24)

Irmãos Khalid e Brahim El Bakraoui identificados pela polícia como sendo os dois bombistas que se fizeram explodir no aeroporto de Bruxelas. Irmãos podem estar ligados aos atentados de Paris.

Irmãos Khalid e Brahim El Bakraoui foram identificados pela polícia como sendo os dois bombistas que se fizeram explodir no aeroporto de Bruxelas, avança a estação televisiva belga RTBF. Com um grande historial de ligações ao crime organizado em Bruxelas, os dois irmãos estavam recentemente a ser investigados por suspeitas de ligação aos atentados de novembro em Paris. Terceiro suspeito continua a monte.

Trata-se dos dois homens vestidos de preto na fotografia, ambos belgas (residentes em Bruxelas), que se terão feito explodir na trágica manhã de terça-feira, matando pelo menos 11 pessoas no aeroporto de Zavantem e ferindo mais de 100. De acordo com a RTBF os irmãos El Bakraoui já eram conhecidos das autoridades policiais – mas por ligações ao crime organizado na capital belga, e não por ligações ao Estado Islâmico ou a grupos terroristas.

Só muito recentemente os dois entraram na mira das autoridades por presumíveis ligações aos atentados de Paris e às últimas rusgas feitas pela polícia em Bruxelas que levaram à detenção de Salah Abdeslam. (OBSERVADOR)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA