Ex-alto comissário da ONU para os Refugiados está em Angola

António Guterres - Ex-alto Comissário da ONU para os Refugiados (Foto: Toru Yamanaka/Arq)

O antigo alto comissário das Nações Unidas para os Refugiados, António Guterres chegou na manhã de hoje, quinta-feira, a Luanda, para pedir o apoio de Angola à sua candidatura a secretário-geral desta organização internacional, apresentada recentemente em Lisboa (Portugal).

Em breves declarações à Angop, no Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro, António Guterres disse que, “por Angola estar envolvida em actividades internacionais extremamente relevantes, vejo-me na obrigação de transmitir pessoalmente essa pretensão as autoridades angolanas”.

O também ex-primeiro-ministro de Portugal, reforçou que Angola é um país que tem hoje múltiplas iniciativas no fórum internacional, com a sua presença no Conselho de Segurança das Nações Unidas, na presidência da Conferência Internacional sobre a Região dos Grandes Lagos (CIRGL) e em outras iniciativas no continente africano.

“Naturalmente como velho amigo deste país, senti que era meu dever, no momento em que anunciei a minha candidatura a secretário-geral das Nações Unidas, vir o mais depressa possível para poder transmitir essa intenção as autoridades angolanas”, sublinhou.

António Manuel Guterres, além de ter sido primeiro-ministro luso entre 1995 a 2002, exerceu o cargo de alto comissário da ONU para os Refugiados, durante os últimos dez anos. Anunciou a sua candidatura ao cargo de secretário-geral da ONU, em Fevereiro último. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA