Atentados em Paris: Principal suspeito Saleh Abdeslam ferido e capturado em Bruxelas

(EURONEWS)

O suspeito dos atentados de Paris, Saleh Abdeslam foi detido esta sexta-feira durante uma nova operação anti-terrorista em Bruxelas.

Segundo fontes policiais citadas pelos media belgas, o homem que se encontra em fuga desde os atentados de Novembro, foi ferido com outro suspeito durante uma rusga no bairro de Molenbeek, na capital belga.

(DR)
(DR)

Segundo os media belgas, o segundo homem ferido e detido pela polícia poderia ser Soufiane Kayal, que estaria também envolvido nos atentados de Paris.

A ação ocorre horas depois da justiça ter descoberto as impressões digitais de Saleh Abdeslam, num apartamento em Forrest, alvo de uma rusga na semana passada.

Dois homens encontram-se em fuga desde então. Os media belgas tinham já avançado esta manhã que um dos foragidos poderia ser Saleh Abdeslam.

(DR)
(DR)
O suspeito dos atentados de Paris, Salah Abdeslam, que se encontrava em fuga desde Novembro, foi detido esta sexta-feira em Bruxelas após uma operação antiterrorista no bairro de Molenbeek. Segundo os media belgas, Abdeslam teria sido ferido numa perna antes de ser detido. Outro suspeito foi igualmente ferido e detido. Um terceiro homem que resistia ainda à polícia foi preso ao início da noite, depois de ter estado barricado no apartamento situado na Rue des Quatre Vents no bairro da capital belga. Conferência de imprensa do Procurador Federal belga agendada para as 20h30.
Um terceiro suspeito detido após duas novas explosões em Molenbeek. Os media belgas falavam de um quarto homem dentro do apartamento dos suspeitos.
No exterior dos escritórios do Primeiro-Ministro Belga. Segurança reforçada, quando o chefe da polícia belga e o procurador federal se juntaram a Charles Michel e ao Presidente francês François Hollande. (EURONEWS)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA