Angonabeiro inicia plano de internacionalização de café Ginga

Planta de Café (Foto: Divulgação)

A Angonabeiro, empresa do Grupo Nabeiro que actua no mercado angolano na área do comércio e da indústria, iniciou, há dias, um plano de internacionalização do Café Ginga, disse hoje à Angop, em Luanda, o director geral da empresa, José Carlos Beato.

Segundo o gestor da Angonabeiro, em Fevereiro deste ano, a empresa exportou cerca de 12 toneladas de Café Ginga para o Senegal, depois de em Janeiro passado ter efectuado a sua primeira exportação do produto para Cabo-verde.

Uma nota de imprensa da Angonabeiro entregue hoje à Angop, indica que a indústria angolana de cafeicultura sofreu um retrocesso após a independência, mas com a entrada do Grupo Nabeiro em Angola, a empresa apostou na recuperação de infra-estruturas, formação de recursos humanos e na oferta de meios técnicos para recuperar a cafeicultura de Angola.

Quanto ao produto acabado, a empresa apostou no alargamento do consumo de café em Angola, investindo na disponibilização do produto em mais pontos de venda e na sua rede comercial, tornando-se no café mais próximo do consumidor.

Com este plano de internacionalização, a Angonabeiro dá provas da qualidade do café angolano e mostra que o mesmo pode ser vendido em vários mercados mundiais.

“Quando criámos a marca Ginga pensamos inicialmente no consumidor angolano, mas sentimos que a qualidade do produto ganhou fama noutros mercados. Por isso, demos início ao processo de internacionalização da marca”, lê-se na nota de imprensa da Angonabeiro.

A Angonabeiro é uma das empresas angolanas que continua a apostar no recurso a produtos locais e na exportação, com o objectivo de gerar valor acrescentado para a economia do País e crescimento nos negócios.

No âmbito da responsabilidade social, a Angonabeiro presta apoio permanente aos produtores de café do país e garante a compra de toda a sua produção. Deste negócio dependem hoje mais de 20 mil famílias.

O Café Ginga, a par da DeltaCafés e Delta Q,, são as três marcas de café pertencentes à Angonabeiro, subsidiária do Grupo Nabeiro. O Grupo Nabeiro é líder no mercado de café em Portugal, Angola e Moçambique. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA