Turismo quer internacionalizar actividade turística no Namibe

Eugénio Clemente - Director do Infortur. Foto: Joaquina Bento/Angop/D.R

Uma experiência piloto que visa internacionalizar a actividade turística na província do Namibe (sul de Angola) deverá efectivar-se a curto prazo, como resultado de uma parceria entre as autoridades angolanas do sector e o governo da vizinha República da Namíbia.

O director geral do Instituto de Fomento Turístico de Angola (Infortur), Eugénio Clemente, que no Namibe chefia uma delegação do sector, afirmou que a concretização da visita de turistas namibianos à província está dependente de uma autorização do Instituto Nacional da Aviação Civil (Inavic).

Disse que a autorização do Inavic vai permitir que os voos da companhia Air Namibiam escalem o aeroporto “Weliwítschia Mirabilis“, na província angolana do Namibe.

Eugénio Clemente informou que a autorização do Inavic tem a ver com a certificação do aeroporto “Weliwítschia Mirabilis“, como internacional.

Considerou ser vantajoso para o Namibe abrir-se ao investimento público de luxo, que deve ser acompanhado por preços competitivos nos serviços de alojamento, restauração e de rent-car.

A delegação encabeçada pelo director do Infortur acompanha a vista de uma congénere namibiana que nessa região do país deverá visitar algumas unidades hoteleiras e em conjunto traçar metas de interesse comum no sector do turismo.

Para o vice-governador do Namibe para área Económica, Alcides Gomes Cabral, são várias as potencialidades turísticas da região e considerou fundamental que sejam exploradas e divulgadas.

Durante seis dias delegações de Angola e da República da Namíbia vão visitar paisagens turísticas da província do Namibe, entre as quais, Dunas, a Weliwítschia Mirabilis, Lagoa do Arco, no município do Tombwa.

Na agenda de visitas estão, entre outras, as praias das Miragens, Barreiras, das Pipas, o Parque do Campismo, a Furna do Porto do Namibe, a Fortaleza São Fernando, Igreja Santo Adrião e o farol do Saco-Mar. (Angop)

DEIXE UMA RESPOSTA