Protestos na Alemanha após forte intervenção policial contra imigrantes

(AFP)

A difusão de alguns vídeos de uma intervenção da policia na Alemanha durante a evacuação de refugiados, que se negavam a sair de um ónibus devido a protestos anti-imigrantes, causaram revolta neste sábado.

Os fatos, captados por dois vídeos divulgados depois na Internet, ocorreram na noite de quinta-feira em Clausnitz, povoado situado a 50 km ao sul de Dresden (leste), quando os imigrantes eram conduzidos a um centro de acolhida.

Um policia é visto agarrando um adolescente pelo pescoço para tirá-lo sem cerimónias do ónibus onde dizia “Reisegenuss” (“Prazer de viajar”), diante dos gritos de uma centena de manifestantes que gritavam “voltem a seus países”.

Os manifestantes, que antes haviam tentado bloquear o ónibus, também gritavam “Wir sind das Volk!” (“Somos o povo!”), lema das manifestações contra a ditadura comunista na ex-RDA, e que agora é utilizada pelo movimento anti-refugiados Pegida, surgido em Dresden.

Outro adolescente que chora sai do veículo, enquanto duas mulheres sentadas nos primeiros assentos do ónibus dão os braços.

Segundo a agência DPA, a polícia teria exercido pressões sobre outros refugiados.

A líder dos Verdes, Cem Özdemir, pediu que o responsável por esta acção “seja suspenso”.

O ministro do Interior da região da Saxónia, o conservador Markus Ulbig, que considerou “profundamente vergonhosa” a atitude dos manifestantes, anunciou que seu ministério examinará também a acção dos oficiais.

Uma manifestação de apoio aos demandantes de asilo está prevista para a noite deste sábado, anunciaram os organizadores. (AFP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA