Polícia alemã realiza operação anti-terrorismo

(DPA)

Mais de 400 integrantes das forças especiais da Alemanha realizam batidas em Berlim e no oeste do país, no dia que marca o início do Carnaval. Pelo menos dois são detidos por suposta ligação com “Estado Islâmico”.

A polícia alemã realizou na manhã desta quinta-feira (04/02) uma operação, envolvendo mais de 400 homens em vários estados, em busca de quatro extremistas que seriam ligados ao “Estado Islâmico” e estariam planeando atentados no país.

Em comunicado, a polícia disse que o grupo planeava “actos sérios ameaçando a segurança do Estado”, segundo informações da inteligência alemã.

Pelo menos duas pessoas, ambas argelinas, foram presas por forças especiais da polícia. Ainda não foi informado onde as detenções foram realizadas.

As operações aconteceram em dois apartamentos e dois escritórios em Berlim, e em propriedades na Renânia do Norte-Vestfália. Segundo a imprensa alemã, um dos detidos era morador de um abrigo para refugiados.

As detenções acontecem num dia de policiamento reforçado na Renânia do Norte-Vestfália, já que nesta quinta-feira começa de fato o Carnaval na região. Espera-se cerca de 2 milhões de pessoas nas ruas de Colónia, por exemplo, até a próxima segunda-feira. (DW)

RPR/ots

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA