Moxico: Economista considera oportuna fiscalização de preços

Economista Gilberto Pinto Luís (Foto: Angop)

O economista Gilberto Pinto Luís considerou hoje (quinta-feira), no Luena, oportuna a medida do executivo angolano de fiscalizar os preços dos produtos que compõem a cesta básica no mercado formal e informal, para evitar especulações e ajustar o poder de compra da população.

Entrevistado pela à Angop, afirmou que desta forma vai se disciplinar os comerciantes oportunistas que inflaccionam o mercado para obterem custos avultados de forma desonesta, em função do momento menos bom que a economia angolana atravessa.

O economista entende que face à situação que o país vive, os preços podem subir ligeiramente, por consequência da diminuição na oferta das divisas, porém sem especulação, chegando mesmo os preços de produtos essenciais básicos a subirem a cinquenta porcento do seu custo.

“Na minha perspicácia, o governo não está querer dizer que os comerciantes vendam os seus produtos abaixo daquilo que é o preço de compra, mas que não venham a especular, o governo quer salvaguardar a verdade comercial”, considerou o igualmente docente universitário.

Apelou os comerciantes no sentido de serem justos para evitarem sofrer sanções por parte das comissões criadas para se fiscalizar os preços nos mercados informal e formal. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA