Huíla: Empresa holandesa apoia camponeses do perímetro irrigado da Matala

Huíla: Víctor Fernandes - agricultor (Foto: Fernando Jamba)

Uma empresa holandesa do ramo agrícola vai apoiar os camponeses do perímetro irrigado da Matala, província da Huíla, na produção da batata-rena em grande escala, informou hoje (segunda-feira) o presidente da cooperativa 1º de Maio, Victor Fernandes.

Em declarações à Angop, o responsável disse que o projecto é de iniciativa privada, enquadrada no programa do Executivo angolano de diversificação da economia do país, que na primeira fase serão preparados mais de cem hectares para o cultivo de batata rena.

Segundo o responsável, a empresa já está dar os primeiros passos com o levantamento dos equipamentos necessários para a produção de batata-rena, sobretudo do material de irrigação que já está obsoleto, que deve ser substituído para dar mais qualidade na preparação dos solos.

Sublinhou que para além da semente da batata que empresa vai fornecer aos agricultores, também garante fertilizantes e comercializar a produção no mercado nacional e não só, na medida em que haja rendimentos aceitáveis que permitam diversificar a economia do país.

O agricultor assegurou que com este apoio que a empresa holandesa vai dar aos agricultores do perímetro irrigado no geral e em particular os da cooperativa 1º de Maio, aumentar-se-á a capacidade de produção e de colheita.

A cooperativa 1º de Maio explora mais de sete mil hectares do perímetro irrigado da Matala, zona onde se produz mais de 150 mil toneladas de alimentos/ano, entre hortícolas, tubérculos e cereais. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA