Governo brasileiro adverte para violência sexual contra menores no Carnaval

Rio de Janeiro (REUTERS)

O Governo brasileiro promete intensificar o combate à violência sexual contra crianças e adolescentes e para o efeito lança uma campanha nas vésperas do Carnaval.

Com o tema “Não desvie o olhar. Fique atento. Denuncie”, o Executivo quer chamar a responsabilidade para todos.

Em entrevista ao programa radiofónico “A Voz do Brasil”, o secretário nacional de Promoção e Defesa da Criança e do Adolescente, Rodrigo Torres, afirma que a campanha está presente nas principais cidades brasileiras.

“Em todas as capitais e nas 15 cidades que são estratégicas porque têm grandes carnavais. E essa consciencialização mostrando às pessoas que elas devem denunciar”, defendeu Torres.

Segundo a Secretaria de Direitos Humanos, os registos de violência sexual contra crianças e adolescentes brasileiros aumentam em média 20 por cento durante o Carnaval.

As denúncias devem ser realizadas por telefone (Disque 100) ou por um aplicativo gratuito para celulares, o Proteja Brasil, que traz endereços de Conselhos Tutelares espalhados pelo país.

Os dois serviços funcionam 24 horas por dia, também em finais de semana e feriados.

O conselheiro tutelar da cidade do Rio de Janeiro, Beto Moreira, explica como é feito o trabalho.

“A frente averigua a denúncia. Caso sendo verdade, procedendo essa denúncia, a gente aplica as medidas protetivas. Após isso, dependendo da gravidade da denúncia, a gente encaminha para o Ministério Público, que também faz a apuração, e toma as medidas subsequentes”, concluiu.

O carnaval termina na quarta-feira, 10. (VOA)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA