Cameron: propostas da UE são “um verdadeiro progresso” (vídeo)

(EURONEWS)

David Cameron diz que as propostas apresentadas pela União Europeia para que o Reino Unido se mantenha no bloco comunitário são um “verdadeiro progresso”.

O presidente do Conselho Europeu publicou esta terça-feira o esboço do acordo destinado a evitar o chamado “Brexit”.

O primeiro-ministro britânico diz que responde às exigências que fez, como “um sistema de ‘cartão vermelho’ que permite a parlamentos nacionais bloquear legislação [europeia]” ou a possibilidade de impedir o acesso dos migrantes a ajudas sociais durante 4 anos, o que representa “um progresso real, embora ainda haja trabalho por fazer”.

Em termos da soberania, o documento reconhece que o Reino Unido “não estará comprometido com uma maior integração política”. Outra promessa, é a de “respeitar os direitos e competências” dos países que não são membros da Zona Euro.

Numa intervenção perante homens de negócios britânicos, Cameron afirmou que o seu “objetivo é dar ao Reino Unido a possibilidade de fazer parte de uma União Europeia reformada. Porque o Reino Unido é uma nação comerciante e existe um mercado de 500 milhões de pessoas na Europa – o mercado único – que representa um quarto da economia mundial. O Reino Unido sempre precisou que esses mercados sejam abertos e de fazer parte deles”.

Cameron prometeu que, se os líderes europeus apoiarem o plano de renegociação com o Reino Unido, ele fará campanha pela manutenção do país na União Europeia, no referendo que, segundo os meios britânicos, se realizará a 23 de junho. As últimas sondagens dão uma ligeira vantagem aos que preferem a saída. (EURONEWS)

por Rodrigo Barbosa | com AFP / REUTERS

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA