BNA reduz venda de divisas nos últimos 5 dias

Edifício do BNA (Foto: Lino Guimarães)

O volume de divisas vendido, no período de um a cinco deste mês, pelo Banco Nacional de Angola (BNA), para a cobertura de operações de natureza prioritária, baixou de USD 243,1 milhões para USD 169,6 milhões, representando uma diminuição de 73,5 milhões de dólares em relação a igual período anterior.

De acordo com uma nota de imprensa do BNA publicada hoje, segunda-feira, no seu Site, deste montante, USD 130,4 milhões foram vendido em leilão de preço para cobertura de necessidades gerais dos bancos comerciais e USD 31,7 milhões em venda directa para cobertura de operações com salários, serviços, mercadorias e capitais, de montante individual até USD 50 mil.

Para as operações de viagens e remessas de dinheiro para o exterior do país, de natureza de ajuda familiar, o Banco Nacional Angola vendeu USD 6,5 milhões.

O documento esclarece que a taxa de câmbio média de referência de venda do mercado cambial primário apurada ao final da semana foi de USD=Kz 156,391.

Para a gestão corrente do Tesouro Nacional, o BNA, enquanto operador do Estado, colocou no mercado primário Títulos do Tesouro no montante de Kz 23,6 mil milhões, sendo Kz 13,0 milhões em Bilhetes do Tesouro (BT) e Kz 10,6 mil milhões em Obrigações do Tesouro (OT).

As OT emitidas foram nas maturidades de 2, 3, 4 e 5 anos, e taxas de juro de 7,00%, 7,25%, 7,50% e 7,77, ao ano.

As taxas de juro médias apuradas para os BT foram de 13,90%, 14,90% e 15,50% ao ano, respectivamente, para as maturidades de 91,182 e 364 dias, com variação de 0,47, 0,52 e 1,05 ponto percentuais (PP) em todas as maturidades, face à última emissão.

Estas emissões marcaram o início do programa de emissão interna de Títulos do Tesouro em 2016.

Para efeitos de regulação monetária, o BNA realizou operações de mercado aberto (OMA) na maturidade de 28 e 63 dias, tendo absorvido liquidez o montante de Kz 4,4 mil milhões.

No mercado interbancário, os bancos comerciais realizaram entre si cedências de liquidez overnight, sem garantia de títulos no montante de 17,5 mil milhões de Kwanzas. A média diária das operações foi de Kz 5,8 mil milhões.

A LUIBOR overnight (1 dia) apurada no último dia da semana, com base nas cedências de liquidez acima referidas, situou-se em 11,30% ao ano, sem variação face à taxa da semana anterior.

A LUIBOR para as maturidades de 30, 90, 180, 270 e 360 dias situou-se em 11,66%, 12,29%, 12,74%, 13,14% e 13,55%, ao ano, registando variação entre 0,19 e 0,24 pp, em todas as maturidades face à semana anterior. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA