Zaire: Governador reúne com líderes da igreja kimbanguista em Mbanza Congo

(Foto: Pedro Moniz Vidal)

O governador do Zaire, José Joanes André, foi informado sobre as principais dificuldades que a igreja Kimbanguista atravessa durante um encontro de auscultação realizado domingo, em Mbanza Congo.

O mau estado da via de acesso à igreja localizada no bairro 4 de Fevereiro, a falta de água canalizada e iluminação pública, assim como os frequentes assaltos às suas instalações por indivíduos desconhecidos, figuraram no leque das preocupações apresentadas ao governador pelo responsável local, pastor Filipe Comba.

A falta de transporte e para a conclusão de uma escola primária da igreja em construção no recinto, bem como a aquisição de novos instrumentos musicais para a banda de fanfarra, constam também do pacote das dificuldades apresentadas.

Em resposta, o governador garantiu que o seu pelouro vai trabalhar para corresponder oportunamente com algumas solicitações, apesar de reconhecer o momento difícil do ponto de vista financeiro que o país atravessa.

José Joanes André esteve acompanhado pela vice-governadora para os serviços técnicos e infra-estruturas, Ângela Diogo, e de outros membros do seu pelouro.

A Igreja Kimbanguista foi fundada a 6 de Abril de 1961 por Simon Kimbangu, líder espiritual, no então Congo Belga, actual República Democrática do Congo, e tem a sua sede central na localidade de Nkamba, na região do Congo Central (RDC). (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA