Segurança ao rubro marca festividades de Ano Novo (vídeo)

(EURONEWS)

Segurança redobrada e festividades controladas, mesmo assim Paris deu as boas vindas ao Ano Novo. As principais cidades europeias ameaçadas pelo terrorismo jihadista recebem 2016 com um forte dispositivo de vigilância. Além de Paris, Bruxelas também não teve fogo-de-artifício.

Londres anunciou 2016 com cerca de 3 mil agentes nas ruas da cidade. O tradicional espectáculo de fogo perto da roda-gigante foi mantido, apesar de tudo.

A emblemática Praça Vermelha de Moscovo, o coração da cidade onde é tradição festejar a chegada do Ano Novo, foi encerrada nesta noite ao público, enquanto 15 mil polícias zelaram pela segurança da capital da Rússia.

Os habitantes de Sidney, na Austrália, entraram pelas 13 horas no ano de 2016, com um grandioso espetáculo de pirotécnia, depois de as ilhas de Kiribati e Samoa.

Pequim abriu as portas ao ano do Macaco que anuncia esperança e mudanças positivas, segundo os entendidos.

Na televisão norte-coreana, uma espécie de ladaínha foram os votos oficias que expulsaram o ano velho. (EURONEWS)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA