Rede Multicaixa terá este ano cartão mais seguro capaz de travar clonagem

(Foto: Kindala Manuel)

O primeiro trimestre de 2016 é encarado como o período de lançamento de um cartão mais seguro e capaz de travar o crescente crime de clonagem.

A Empresa Interbancária de Serviços (EMIS) previu, para o primeiro trimestre de 2016, o lançamento de novos cartões da sua rede de caixas automatizadas, vulgo cartões multicaixas.

O novo produto deve melhorar em termos de segurança funcional e contribuir na diminuição dos crimes de falsificação (clonagens) que tem vindo a crescer em Angola, segundo dados da entidade e outros reportes da Polícia Nacional.

Em 2015, os bancos, através de acções concertadas com a Emis, continuaram a implementar acções cujo foco era valorizar e massificar o uso destes meios de pagamento de serviços. Assim é que continuam os bancos a cobrar valores não inferiores a 500 kwanzas para os clientes que num balcão façam um levantamento igual ou inferior a 40 mil.

A justificação é a de que este valor é o limite diário num caixa automático e não faz sentido que o cliente, para essa operação, prefira o atendimento presencial ao invês do electrónico.

A Emis recordou também que grande parte dos serviços disponibilizados através da rede automatizada ainda é grátis, uma acção só justificada pelo interesse de permitir que os clientes bancários acedam ao mesmo e diminuem as enchentes que se verificam nas agências.

Crescimento efectivo Dados da Emis dizem , igualmente, que os meios de pagamento electrónicos continuam a registar um forte crescimento no mercado nacional. O número de cartões Multicaixa vivos aumentou para 3.165.008 em 2014, comparativamente com 2.462.174 em 2013 e os cartões válidos ascenderam a 4.687.951 em 2014, face a 3.377.798 em 2013.

No que se refere à rede de terminais, o número de caixas automáticos (ATM) e terminais de pagamento automático (TPA) registaram um crescimento de 13 e 48 por cento, respectivamente.

O número de ATM aumentou para 2.627 em 2014, comparativamente a 2.334 em 2013 e o número de TPA cresceu para 47.076 terminais em 2014 face a 31.716 em 2013.

Adicionalmente, o número de transacções em 2014 cresceu cerca de 32 por cento face a 2013, registando-se um aumento de 27 nas transacções realizadas em ATM e de 59 nas efectuadas em TPA. (jornaldeeconomia)

 

 

 

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA