Petróleo fecha em queda

(AFP)

O petróleo fechou em queda nesta sexta-feira em Nova York depois que o optimismo pelos dados de emprego dos Estados Unidos foi minimizado pela permanente ampla oferta da matéria-prima.

O barril de “light sweet crude” (WTI) para Fevereiro caiu 11 centavos, a 33,16 dólares, e se manteve em seu nível mais baixo desde Fevereiro de 2004. Nessa semana marcada pelas turbulências financeiras, o WTI acumulou uma queda de 10,48%.

Em Londres, o barril de Brent do Mar do Norte, também para Fevereiro, caiu 20 centavos, a 33,55 dólares, e acumulou uma queda semanal de 10%.

Os preços se orientaram para alta no começo da sessão devido à estabilização das bolsas chinesas e pelos dados positivos do mercado de trabalho dos Estados Unidos.

No entanto, os dados do emprego também levaram à valorização do dólar, o que prejudica aqueles que precisam comprar petróleo com outras divisas.

“Se pode defender a ideia de uma recuperação técnica no curto prazo, mas os dados fundamentais do mercado são concretamente para a baixa de preços”, disse Tim Evans, de Citi. (AFP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA